O que é um SMART TV?

A televisão que, há alguns anos, apenas permitia receber imagens de um emissor de TV, evolui de modo a interagir com o utilizador. Em vez de apenas permitir ver televisão, a SMART TV permite interconexão com outras plataformas e novas funcionalidades para o utilizador.

No final da década de 80 e inicio dos anos 90, aparecem os primeiros aparelhos interligados com conteúdos externos, os VCR, os vídeos gravadores VHS e BETAMAX foram durante alguns anos comuns na maior parte das casas. O DVD(Digital Video Disc) aparece no final da década de 90 e rapidamente conquista o mercado substituindo o VCR problemático pela dependência mecânica e pelas fitas de gravação. Foram os primeiros aparelhos a permitir ao utilizador ver conteúdos diferentes dos emitidos nos canais de TV emitidos por radio frequência.

Aumento da velocidade e capacidade de armazenamento

A rápida evolução das memórias tanto na sua capacidade como na velocidade e dos processadores de dados, permitiu novas formas de interligação com o TV, não só com a possibilidade de armazenar conteúdos pelo TV em si, como na interligação com o utilizador, permitindo interfaces com uma usabilidade maior. As memórias começaram a permitir armazenar conteúdos em espaços pequenos (PEN DRIVES) e a tecnologia começou a permitir o armazenamento de dados externamente, interligados com interfaces digitais USB, HDMI.

A TV Digital

A TV para além do standard digital, usa no seu funcionamento interno controlo digital em detrimento dos circuitos analógicos comuns nos aparelhos com TRC(Tubo Raios Catódicos) e, mesmo estes, tinham muitos circuitos digitais já incorporados nos últimos anos em que foram produzidos. Esta nova era digital permitiu o aparecimento e desenvolvimento de novas tecnologias e novos standards, aparecem os PLASMAS, LCD e LCD LED preparados para receber emissões digitais (DVB-T, ISDB e ATCS) com ALTA DEFINIÇÃO (HDTV). Existe alguma diferença entre SINAL DE TV DIGITAL(sinal digital de televisão emitido ou modulado nos cabos) e APARELHO DE TV DIGITAL(aparelho que recebe TV digital), os aparelhos analógicos podem receber TV digital através de descodificadores vulgarmente designados como(SET TOP BOX).

Distribuição de conteúdos de media/midia(programas, filmes, música)

Antes da distribuição do sinal de TV ser digital(ainda não o é em todos os locais) apareceu nos centros urbanos a TV por cabo, não passava de distribuição de TV analógica num cabo em que os diversos conteúdos eram modulados numa determinada frequência, o utilizador final limitava-se a sintonizar o TV e os vários canais ficavam disponíveis.

A Internet e a TV

No inicio deste século, com a massificação da Internet, surge as primeiras tecnologias que distribuem o sinal de TV pela Internet, o IPTV tornou-se um protocolo digital que permite aos diversos operadores distribuir os seus programas e plataformas com suporte na distribuição da internet.

SMART TV

A capacidade digital permitiu outro tipo de interação com os utilizadores, o uso da TV para executar outras funções e visualizar outro tipo de conteúdos não físicos(DVD, VCR ou memórias) agregado à facilidade de organização(programação, controlo e automação) permitiu esta nova tecnologia que usa uma estrutura desenvolvida inicialmente pelos telefones móveis(aqueles computadores portáteis que até dão para telefonar) partilhar aplicações APPs que executam funções especificas.

A TV SMART (INTELIGENTE) e a SMART BOX

A Smart TV aparece pela primeira vez em 2008 pela Samsung, permitia leitura de fotos e vídeos gravados em USB flash drives, permitia guardar conteúdos para visualização posterior, permitia interconexão com os computadores através de redes de cabo(LAN NETWORK) e a ligação a internet usando a rede local. Desde 2008, existiu uma evolução por parte das diversas marcas, todas usam um sistema operativo(operacional) que pode diferir de marca para marca. Os mais comuns são o Android TV (Sony, Philips, Sharp, RCA, TCL, SEMP), o GINGA (usado em muitos das box e tvs no Brasil), o WEBOS (LG), o TIZEN OS(Samsung...um sistema desenvolvido para, no futuro, integrar e interconectar outros aparelhos na nossa casa). Mas existe mais de uma dezena de OS para SMART TV o que revela que, nesta fase, é ainda uma sistema em desenvolvimento.
Em comum, todas permitem navegador pela Internet, ouvir música, ver filmes ou outros programas gravados em discos rígidos (HDD ou SDD) e PEN drives. A interconexão com a Internet pode ser feita por WI-FI ou por cabo de rede interligado com o router, normalmente usando a norma 568/A ou B. Umas das utilizações mais comuns nos aparelhos mais recentes é o uso de comunicação e áudio e vídeo através da Internet, quase todos os TVs recentes permitem a ligação a uma webcam e comunicar confortavelmente através da Internet com o skype ou outra aplicação de comunicação.

TIZEN OS

smart tv samsung tizen OS

webOS

smart tv LG webos TV

ANDROID TV

Philips smart, android TV

SET TOP BOX, ANDROID TV

android smart TV,set top box 4K android

Assistência Técnica em TV de nova geração, SMART TV e HDTV

Novos desafios se colocam para o técnico reparador, a conexão à Internet das SET TOP BOXs e TVs, a atualização de firmware e software, a instalação e configuração dos aparelhos, são novas oportunidades de prestação de novos serviços. Ao contrário dos antigos aparelhos que tinham avarias de forma regular, os novos têm um menor número de problemas e menor dificuldade na reparação(nem sempre), no entanto, pela necessidade de programação, atualização e configuração permitem um novo tipo de serviço entre o técnico de TV e o utilizador do aparelho. A melhoria de usabilidade entre o aparelho e utilizador resolve alguns dos problemas mas não todos. A configuração em relação ao router, acesso a internet e sistemas de IPTV devem ser, a partir deste momento, uma prioridade em termos de formação para o técnico. É quase uma mistura entre um técnico de informática e um técnico de eletrónica, mas, uma coisa será um problema de "sistema" a outra um problema no circuito, a primeira, qualquer técnico de informática ou utilizador com conhecimentos médios de informática resolve, a segunda, apenas o técnico de eletrónica.